667…

“TEMOS… DESESPERO!”

Vou ser curto pois quero quebrar o feitiço do 666

Hoje 15SET2012 assisti novamente a uma MANIFESTAÇÃO DE DESESPERO

Se tiver paciência num futuro não muito distante regressarei a este tema, para já deixo duas imagens e algumas (poucas) palavras soltas!

“O CARECA…”

“A MANADA…”

Já consegui ver muitos testemunhos, e resumo todos numa palavra: DESESPERO!

E como já escrevi, e venho alertando, MANADAS em DESESPERO não conseguem fazer NADA… Pelo menos de IMPORTANTE!

Também já ouvi alguns POLITICÓLOGOS a fazerem uns comentários excitados sobre o que viram hoje, mas não passa disso mesmo… Excitação de curta duração… Espero que não seja daquela excitação que se obtêm com a ajuda de químicos farmacológicos…

E PARA NÃO VARIAR,

NÃO VI… Nenhuma manifestação junto às SEDES DAS CORPORAÇÕES QUE MANDAM NESTE PAÍS, NEM JUNTO ÀS CASAS DOS DONOS E ACCIONISTAS MAJORITÁRIOS NACIONAIS DESTAS MESMAS CORPORAÇÕES!

NÃO OUVI… Nenhum testemunho sobre aquilo que realmente É PRECISO FAZER PARA ALTERAR A ESTRUTURA DA ACTUAL SOCIEDADE

Assim sendo, posso concluir que 15SET2012 serviu apenas para a MANADA chorar colectivamente, e na rua, as suas desgraças…

Infelizmente também pude verificar que não estavam à venda “SACOS SOLIDÁRIOS“… Nem sequer junto à Assembleia da República! Uma falha imperdoável…

Break 134…

“A Máfia trabalha bem…”

E… lá CHEGOU aqui ao território… Sob a barulheira de reformas e pobres e ricos e reformados e presidentes e futebol e fado e bolo-rei… etc e tal… Os deputados Maria Gabriela Canavilhas (PS) , Inês de Medeiros (PS) , António Braga (PS) , Acácio Pinto (PS) , Jacinto Serrão (PS) , Rui Jorge Santos (PS) , Carlos Enes (PS) , Odete João (PS) , Ana Jorge (PS) , Pedro Delgado Alves (PS) , Carlos Zorrinho (PS)

entregaram nos serviços dos “Parlamáfia Portujês” no Dia 14/12/2011 o Projecto de Lei 118/XII (podem ler aqui) que trata da extorsão a todos os ex-Cidadãos de um país que já foi conhecido por Portugal, de mais uns trocos no caso da “Cópia Privada”…

E deixo a seguir as Tabelas das novas taxas que em breve vão entrar em vigor, cá no território…

Escrevo “vão entrar em vigor” pois todos os mafiosos que por lá parasitam o zé ónagro, tcp Portuga, VOTARAM A FAVOR

Votação na Reunião Plenária nº. 56
Aprovado por unanimidade
A Favor: PSD, PS, CDS-PP, PCP, BE, PEV

VAMOS LÁ VER A BELEZA QUE FOI APROVADA POR UNANIMIDADE

Tabela a que se refere o n.º 3 do artigo 3.º

Compensação sobre aparelhos, equipamentos e instrumentos técnicos de reprodução de obras escritas

MFC JACTO TINTA *

MFC LASER **

VELOCIDADE DE COPIA

até 9 cpm

10-29 cpm

30-49 cpm

50-69 cpm

70 ou + cpm

Até 17 kg

Até 17 kg

7,95

10,00

13,00

127,70

169,00

197,00

227,00

cpm – copia por minuto

* Equipamentos multifunções de secretária, de impressão a jacto de tinta, com ecrã de reprodução cujo peso não supere os 17 quilos, com capacidade para realizar pelo menos duas das seguintes funções: cópia, impressão, fax ou digitalização. Quando supere este peso será considerado como equipamento ou aparelho com capacidade de cópia e classificado de acordo com a respectiva velocidade standard de reprodução.

** Equipamentos multifunções de secretária, de impressão a laser, com ecrã de reprodução cujo peso não supere os 17 quilos, com capacidade para realizar pelo menos duas das seguintes funções: cópia, impressão, fax ou digitalização. Quando supere este peso será considerado como equipamento ou aparelho com capacidade de cópia e classificado de acordo com a respectiva velocidade standard de reprodução.

Lista a que se refere o n.º 2 do artigo 4.º Compensação sobre aparelhos, dispositivos e suportes

EQUIPAMENTOS E APARELHOS

a) Equipamentos e aparelhos analógicos de reprodução de obras protegidas nos termos do presente regime

1 – Gravadores áudio – € 0,60 / unidade

2 – Gravadores vídeo – € 0,60 / unidade

b) Equipamentos e aparelhos digitais de reprodução ao de obras protegidas nos termos do presente regime

1 – Gravadores de discos compactos específicos (CD)   €2 /unidade

2 – Gravadores de discos versáteis específicos   €3 / unidade

3 – Gravadores mistos de discos compactos (CD e DVD)   € 4 /unidade

SUPORTES E DISPOSITIVOS DE ARMAZENAMENTO

a) Suportes materiais analógicos, como cassetes áudio ou similares – €0,06 /hora de gravação;

b) Suportes materiais analógicos, como cassetes vídeo ou similares – €0,08 /hora de gravação;

  1. Discos compactos (CD) não regraváveis – €0,03 por cada GB de capacidade de armazenamento;

  2. Discos compactos regraváveis (CD-RW) – € 0,05 por cada GB de capacidade de armazenamento;

  3. Discos versáteis não regraváveis   € 0,03 por cada GB de capacidade de armazenamento;

  4. Discos versáteis regraváveis   € 0,05 por cada GB de capacidade de armazenamento;

  5. Memórias USB e outros suportes como cartões de memória não integrados noutros dispositivos   € 0,06 por cada GB de capacidade de armazenamento;

  6. Memórias USB e outros suportes como cartões de memória integrados noutros dispositivos   € 0,06 por cada GB de capacidade de armazenamento;

  7. Para suportes ou dispositivos de armazenamento, como discos externos denominados ‘multimédia’, ou outros que disponham de uma ou mais saídas e entradas de áudio e ou vídeo, que permitam o registo de sons e ou imagens animadas sem que seja necessário utilizar um microcomputador ou quaisquer outros equipamentos ou aparelhos para desempenhar a função de reprodução de obras – €0,06 por cada GB de capacidade de armazenamento;

  8. Discos rígidos ou outros tipos de memórias não voláteis, integrados em equipamentos ou aparelhos, com capacidade a partir de 150 GB e que permitam o armazenamento de dados em massa – 0,02 por cada GB de capacidade, mais 0,005 por cada GB que acresça a capacidade de 1TB;

  9. Outros tipos de suportes ou dispositivos de armazenamento, como os discos rígidos externos ou SSD, com ou sem saídas áudio e ou vídeo e que dependam do emprego de um microcomputador ou de outros equipamentos ou aparelhos para desempenhar a função de reprodução de obras   0,02 por cada GB de capacidade, mais 0,005 por cada GB que acresça a capacidade de 1TB;

  10. Dispositivos de reprodução de fonogramas, videogramas ou outros conteúdos sonoros, visuais ou audiovisuais em formato comprimido, integrados ou não noutros aparelhos ou equipamentos, como os telemóveis – € 0,50 por cada GB de capacidade de armazenamento.

ASSIM MEUS CAROS… Vão fazendo um pé de meia…

E de preferência com notas no mínimo iguais à da imagem… pois vão precisar delas… PAGA E NÃO BUFA… Tudo para proteger os “Direitos de Autor” claro…

AH….

VIVA A DEMOCRACIA…

VIVA A CULTURA…

VIVA O CONHECIMENTO…

VIVA O CALHAU…

464…

OK…
Como o pessoal só pensa em formato numerário €$ aí vai…
Imagine que é Accionista de uma Grande Corporação
(a parte da Grande é para imaginarem!)
E como tal tem direito a votar nas Assembleias Gerais…
Ora… vem-se verificando, nos últimos 35 anos, que o Presidente Executivo, os Conselheiros e os Directores Executivos e todos os seus subordinados, não apresentaram um único relatório anual de contas com saldo positivo (lucro).
FORAM 35 ANOS CONSECUTIVOS DE PREJUÍZO
Você, por motivos que a razão desconhece-se, sempre que foi às Assembleias Gerais dos últimos 35 anos, deixou-se contaminar pelo vírus da propaganda, e apesar de estar a perder capital ano após ano, continua, tal acéfalo, a votar nas mesmas pessoas, ou nas pessoas por estas indicadas.
Existe, porém, um pequeno grupo de accionistas que vem alertando para o facto de que, ou se mudam todos os responsáveis pela gestão ruinosa dos últimos 35 anos, ou iremos para a bancarrota… 
O certo é que a maioria dos accionistas parecem gostar de perder capital, ou, e pior, andam a receber nos bastidores quantias avultadas de €$ para irem mantendo o Presidente Executivo, os Conselheiros e os Directores Executivos e todos os seus subordinados.
Uma coisa é certa… para este accionista, todos os outros que se candidatam a Presidente Executivo, a Conselheiros e a Directores Executivos e a subordinados, SÃO SEM DÚVIDA MELHORES DO QUE OS QUE LÁ ESTÃO, pelo simples facto que nunca lhes foi dada a hipótese de gerirem a Corporação.
Na próxima Assembleia Geral, deixe de ser acéfalo… 
Podemos e Devemos acabar com o “Gangue da Bancarrota” (PSD/CDS/PS)

E UMA COISA É CERTA… PARA PIOR NÃO VAMOS POIS TAL NÃO É POSSÍVEL!!!