Break 146…

“CUIDADO MOÇO!!! Ainda te suicidas…”

Estava este bacano já farto de estar no Parlamento a explicar pela milésima vez que não vão ser despedidos professores… Quando vindo do NADA… Chegou a

“QUEBRA DE LEALDADE”

“De facto é uma vergonha”, que só agora se comece a assistir a este tipo de “quebras de lealdades” para com aqueles que NUNCA FORAM LEAIS… Irónico, mas sem dúvida divertido… Finalmente se vê VIDA no Parlamento Português…

E citando o Suicida Crato

“A maior dívida que um país pode gerar é a perpetuação da ignorância”

E depois de tal citação(ainda estou com o cérebro a ganir), nada melhor que terminar… Com mais uma do Crato

“Agora ainda há uns que se esconderam não sei aonde!…”

E com esta me vou, agarrar aos livros!

604…

“A diferença está na roupa… e nos acessórios!”

Que tal ver um filme digno de ser visto?

Sim?

Então aí vai… E espero que vos abra os olhos, a mente e a boca…

Agradeço à maria pela indicação que me deu a mim, e não só, sobre este filme fabuloso.

Aproveito para avisar os queridos Escravos para não deixarem de ir aos Jogos… para porem as notas a circular!

Desfrutem os Jogos… O Desporto é para isto mesmo!

358…

É assim que estamos?

Ao fim de 18 anos, apenas separamos 9,99%, vá lá vou ser generoso!, 10% do lixo que produzimos?

Alguns olham e vêm logo o lado positivo, JÁ reciclamos 10%

Eu, quando olho para o tempo que já passou, fico desanimado pois penso “Ainda só reciclamos 10%…”
E realmente isto é algo que não nos deve fazer sentir bem… pois nas quase 4.500.000 de toneladas de lixo que produzimos e que não reciclamos, estão ainda muitas e muitas toneladas de produtos recicláveis…

O pior é que quando ando na rua e olho para os locais de recolha de lixo, verifico, por mera observação que isto é real, existem muitos materiais recicláveis que continuam a não ser separados pelas pessoas nem a ser depositados nos colectores de matérias recicláveis…

E isto é que é grave…

E pior é que uma micro-observação que tenho feito em três escolas pelas quais passo diariamente, posso observar o paupérrimo comportamento cívico e ambiental dos jovens que frequentam estes locais…

Quando não há aulas, devido às férias, praticamente não se vê lixo no chão…
Quando há aulas… é de fugir!!!

Outra observação dos dados…

Apesar de a população “apenas” ter aumentado 6,47%… a produção de lixo aumentou uns notáveis 35,08%

A falta de transmissão de valores, reais, às novas gerações será sem dúvida um dos factores que irão ajudar a que estes números não evoluam como deviam…

Fonte dos dados: Pordata