152…

BIODIVERSIDADE… ouvi dizer que até era o ano desta coisa!!!

A UE afirma o seguinte:
“A biodiversidade engloba a variedade de genes, espécies e ecossistemas que constituem a vida no planeta. Assistimos actualmente a uma perda constante da biodiversidade com profundas consequências para o mundo natural e o bem-estar humano. As principais causas são as alterações nos habitats naturais, resultantes dos sistemas intensivos de produção agrícola, da construção, da exploração de pedreiras, da sobrexploração das florestas, oceanos, rios, lagos e solos, da introdução de espécies alóctones invasivas, da poluição e, cada vez mais, das alterações climáticas globais. A Europa estabeleceu um objectivo para travar a perda de biodiversidade até 2010. Vários estudos recentes da AEA mostram que se não forem envidados mais esforços políticos significativos, é improvável que esse objectivo seja atingido.” (retirado daqui)

A ONU

Falemos então de uma, entre outras, melhores maneiras possíveis para melhorar e preservar a Biodiversidade…

AS BARRAGENS

aqui escrevi sobre as barragens em Portugal. Muitas delas servem apenas para armazenamento de água, pois em caso de excesso de água na bacia e de descargas não estão equipadas com geradores de energia, mas isto é outra história.

Ora em época de biodiversidade, nós Portugueses damos uma ajudinha… e vamos lá construir mais 10 barragens…
Quando estiverem todas construídas, a área das bacias terá a dimensão, pequenina, de 12.757 Km2.
Todos os animais que viviam nesta área… foram-se!
Para terem uma ideia ficam as imagens das áreas das bacias…

Vista Geral da localização das Barragens a construir
 
Barragem do Alto-Tâmega

Barragem de Padroselos

Barragem de Daivões

Barragem de Gouvães

 Barragem de Fridão

Barragem de Foz-Tua

Barragem de Pinhosão

Barragem de Girabolhos

Barragem do Alvito

 
Barragem de Almourol

E assim contribui Portugal e o seu Povo para uma nova Biodiversidade de barcos e outras infraestruturas que as novas bacias irão dar abrigo!
Claro que o principal é que vamos passar, a partir de 2018, e se correr bem,  a produzir em teoria e o no máximo 1519 GWh de energia (produção primária).
Fica a seguir um resumo de dados das barragens existentes e futuras!

TOTAL DE BARRAGENS Energia (Exclusivo)  Energia  
(e outras funções)
Não Energia
166 31 36 99
19% 22% 60%
Área Total bacias (km2)
952,788 331,698 606,932 14,158
Novas barragens (km2) 12,757
Artigo anterior
Artigo seguinte
Deixe um comentário

Escrever um pensamento...

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: